fbpx

Janela anabólica | O mito milionário

Última série do treino após um dia cansativo no trabalho. 

Com a tarefa cumprida, você caminha com peito estufado de orgulho rumo a sua mochila onde a boca já saliva em busca do merecido shake proteico.

Você abre a mochila, adentra seu braço em busca do glorioso suco de aminoácidos, mas repara que algo está errado…

A mochila está vazia.

Sem acreditar no poder do seu tato em identificar objetos, você comprova a teoria com o uso dos seus olhos. 

A mochila está vazia.

Entre uma mistura de desespero e ódio, você identifica o maior vilão da hipertrofia se aproximando em velocidade máxima.

Em questão de segundos você deixa de ser um bodybuilder e passa a ser o homem mais rápido do mundo. Usain bolt com certeza descobriu o seu talento e uma situação parecida.

Você pega a sua mochila e sai a 500km/h da academia, quase atropela a moça que você tem uma queda no caminho e nem fala tchau para a senhora da portaria.

Após um HIIT não programado e roupas encharcadas de suor você chega em casa e pode se recompensar com o tão almejado néctar dos deuses.

Só tem um problema…

O pote do whey vazio reflete o vazio no sentido da sua vida.

Sem a companhia do seu shake proteico, você acredita que todos os seus ganhos irão descer ralo abaixo… Adeus músculos, olá vida de graveto.

Após algumas horas de ansiedade você consome o seu jantar como faz todos os dias. A vida não é a mesma, mas parece que nada de grandioso foi mudado.

Esperando já trocar todas as suas camisetas G por camisetas P na loja mais próxima, você repara que as coisas não mudaram tanto assim.

E diante dessa mistura entre tristeza e dúvida apenas uma pergunta pode surgir:

“Será que esse negócio de ter que consumir um shake de proteína 15-30 minutos pós-treino faz algum sentido?”

Reflitão

Vamos deixar nossa velha amiga ciência responder.

O que é a janela anabólica para começo de conversa?

A janela anabólica, em teoria, seria um aumento temporário na capacidade do seu corpo utilizar nutrientes – proteína – a fim de construção muscular.

Quanto mais próximo do final da sua rotina de treino for o consumo de proteína, maior será o crescimento muscular que você irá obter quando comparado com o consumo da mesma quantidade de proteína em outros momentos ao longo do dia.

Isso, é claro, é o que os grandes barões dos suplementos querem que você acredite.

De onde surgiu esse MITO?

Essa teoria foi explorada até a última gota pela indústria de suplementos. 

Após selecionar a pente fino toda a literatura da época que contribuía com essa afirmação conseguiu faturar milhões de dólares.

Com isso nasceu a famosa crença de que se você não estiver com seu shake de proteína engatilhado pós treino provavelmente, seu esforço na academia, não foi mais que um desperdício.

O que eles não deixavam claro eram os detalhes limitantes por trás das pesquisas da época.

# Problema 1 :
A maioria dos estudos que os defensores da janela anabólica utilizavam para somar suas afirmações comparava um grupo com alto consumo de proteína VS um grupo com baixo consumo de proteína.

Sem nenhum grupo controle onde a mesma quantidade de proteína era administrada de diferentes formas ao longo do dia.

Isso gerou uma grande dúvida: Os melhores resultados eram obtidos pela diferente divisão de consumo de proteína ao longo do dia ou a quantidade total de proteína consumida?

#Problema 2 :
Estudos não são baratos.

Demandam não só um grande esforço dos cientistas, mas também uma boa quantia de dinheiro. E de onde você acha que os estudos que demonstravam resultados impressionantes para o consumo de proteína logo após a rotina de treino retiravam seus fundos? Isso mesmo. Das maiores empresas de suplementos do mundo.

A ciência até o momento fez o que estava ao seu alcance: os resultados dos estudos realmente apresentavam melhores resultados. 

Mas suas conclusões foram exageradas e sem contexto. 

O principal agente por trás do acréscimo muscular não estava na correta distribuição, mas sim no total de proteína que esses indivíduos consumiam e, uma possível prova dessa afirmação, são os inúmeros estudos posteriores que analisaram diferentes distribuições proteicas ao longo do dia com a mesma quantidade de proteína e encontraram que nenhuma diferença significativa foi obtida quando analisada hipertrofia e força. (1, 2 e 3)

A última cartada

O maior golpe que o mito da janela anabólica recebeu até hoje foi dado em 2013 quando uma meta análise reuniu 20 estudos que mediram evoluções em força e 23 estudos, resultados em hipertrofia, e analisaram se diferentes formas de administração de uma mesma quantidade de proteína possuía algum impacto na melhora de performance. 

Como conclusão, os autores afirmaram que a variável de maior importância para hipertrofia, ou força, não era a fina distribuição de ingestões proteicas ao longo do dia, mas o seu consumo total.

Diante disso, surgiu a pirâmide de importância da proteína. Preocupe-se primeiro com a base e depois com o restante.

Conclusão

Então, se você é o tipo de cara que, no final do treino, descobriu que esqueceu sua shakeira em casa e teve que sair correndo a 90km/h dos fantasmas do catabolismo, fique tranquilo.

Você pode realizar a refeição pós treino a hora que lhe for mais confortável.

Preocupe-se antes com a quantidade total de proteína e depois com a forma na qual ela é distribuída ao longo do dia.

Vida longa e ganhos para vocês.

Rodapé

  1. Obrigado ao Menno Henselmans por influenciar esse artigo.

📄 Outros artigos que você pode gostar

📄 Outros artigos que você pode gostar

🤝 Conte a um amigo
🤝 Conte a um amigo ​
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
📕 Livro grátis

Receba o meu livro com os 7 princípios IM para ter resultados sendo natural.

Receba o meu livro com os 7 princípios IM para ter resultados sendo natural.

Foque no essencial. Pule as besteiras. Economize anos de erros.  

Foque no essencial.
Pule as besteiras.
Economize anos de erros.  

Sem spam. Sem suplementos inúteis. Saia a qualquer momento.
Só as melhores ideias sobre treino, nutrição e livros.
Sem spam.
Sem suplementos inúteis.
Saia a qualquer momento.
Só as melhores ideias sobre treino, nutrição e livros.
Eu em 10 segundos
 
Meu nome é Matheus. Sou o criador do Inteligência Muscular. Um site sobre treino, nutrição e livros. 
 
Entrego as melhores ideias da internet de uma maneira simples e prática. Centenas de pessoas acessam meus artigos todo mês.
 
Quando não estou escrevendo, ajudo pessoas inteligentes a construir físicos incríveis. Sem drogas. Sem dores. Sem decepções. Veja aqui.
IM

Evolução dentro e fora da academia. 
Desenvolvimento de mente e corpo para a vida. Estratégias para navegar no mar de desinformação da internet. 

Evolução dentro e fora da academia. Desenvolvimento de mente e corpo para a vida. Estratégias para navegar no mar de desinformação da internet. 

Receba meu livro com os 7 princípios IM para ter resultados sendo natural.