fbpx

O último sobrevivente no mundo fitness

Informação tem um traço diabólico: ela esconde falhas.
 
Um empreendedor de sucesso faz barulho. Mil fracassos, silêncio. Um físico bonito, múltiplos likes. Milhares de frustrados, esquecidos. Um livro vende milhões. Outros, nem chegam às livrarias.
 
De onde surge essa cegueira? Simples. Do viés. Um tapa olho mental.
 
Nossos cérebros processam 40 peças de informação por segundo. Isso de forma consciente. De forma inconsciente, podemos processar 11 milhões.
 
O viés é um atalho mental.
 
Há milênios eles te salvaram quando a ausência de um pensamento rápido poderia ser a diferença entre voltar para casa ou virar comida de tigres dente-de-sabre.
 
O problema é que, hoje, eles alteram nossa percepção da realidade, tornam nosso julgamento irracional e afetam nossas decisões (para pior).
 
Existem várias formas que o seu cérebro usa para te tapear. Porém, esse artigo vai focar em uma especial para o mundo fitness: o viés do sobrevivente. 
 
Vamos a ele.

 

A história do viés do sobrevivente.

Se existem idiotas hoje, imagine durante a segunda guerra mundial.
 
Uma coisa é certa: Abraham Wald, não era um deles.
 
Ao invés de continuar a se dedicar para seus problemas de estatística e matemática, resolveu ajudar a nação. Não com números, mas resolvendo problemas. Não para pimpolhos do jardim de infância, mas para a força aérea americana.
 
O desafio era o seguinte.
 
Precisávamos matar mais nazistas. Para matar mais nazistas precisávamos morrer para menos nazistas. Para morrer para menos nazistas, precisávamos reforçar a defesa de nossos aviões. Mas como fazer isso? 
 
Após uma análise profunda, notou-se que a cauda, o corpo e as asas eram as principais afetadas pelo fogo inimigo.
Vendo isso, a resposta óbvia surgiu do quatro olhos no fundo da sala.
 
“Só reforcem essas áreas com algumas placas de aço. Pronto.”
 
PRÊMIO NOBEL! CERVEJAS PARA TODOS! IRRAA!
 
Bom, não foi bem assim. Não a festa, mas a parte de todos concordarem.
 
Lembra do nosso amigo Wald e sua ausência de idiotice? A sua próxima ideia trouxe para casa milhares de aviadores são e salvos.
 
Os colegas engravatados de Wald esqueceram de um detalhe nuclear. Eles estavam analisando apenas os aviões que voltaram da guerra e esquecendo os outros milhares que foram abatidos em combate.
 
As áreas com os pontos mostravam justamente o contrário. Onde os aviões podiam ser acertados e voltar para casa.
 
Wald propôs o inverso: reforcem as áreas onde não existem pontos.
E o restante amigos, é história…
 
Como podem notar é um brasileiro que lhe conta a história, a mídia está sem censura e o Hitler mais para baixo da terra do que metrôs.
 
A história ilustra o viés do sobrevivente.
 
A nossa tendência de olhar o sucesso (aviões que voltaram) e esquecer fracassos (os aviões que não retornaram). Como resultado, criamos falsas premissas que levam ao sucesso. 
 
Você as conhece.
 
  • A rotina da manhã dos milionários.
  • 7 coisas que pessoas de sucesso fazem todos os dias.
  • 8 alimentos que pessoas saudáveis evitam.
  • 5 treinos infalíveis de fisiculturistas de sucesso.
O problema é que um bom número de pessoas falhou usando as mesmas estratégias. A única afirmação certeira sobre pessoas de sucesso que podemos fazer é que elas alcançaram o sucesso apesar do caminho escolhido e não por causa do caminho escolhido.
 
Quantos jogadores treinam todos os dias e viram um Neymar? Quantas pessoas que abandonam a faculdade viram o Steve Jobs? Quantas pessoas comem certos alimentos e realmente emagrecem?
 
Não ouvimos o grito das pessoas que morreram no caminho. Só ouvimos quem chegou ao topo.
 
Super valorizamos estratégias, táticas, conselhos de um sobrevivente enquanto ignoramos que essas mesmas estratégias, táticas e conselhos não funcionam para a maioria das pessoas.
 
  • Steve Jobs teve sucesso apesar de não fazer faculdade [*].
  • Um fisiculturista tem sucesso apesar de só comer 7 alimentos.
  • Um empreendedor faz sucesso apesar de suas estratégias de venda.
A resposta certa é não sei. O mesmo caminho pode – ou não – funcionar para você. O importante é se manter consciente. 
 
Cuidado é necessário no caminho do sucesso quando a mesma estratégia pode criar perdedores e vencedores, mas só os últimos são ouvidos.
 

Como o viés do sobrevivente se aplica ao mundo fitness?


A falsidade das fotos de transformação
 

Fotos de antes e depois são como cenouras para coelhos. Elas funcionam. Porém, não contam a história inteira.

Quem sabe um fanfarrão fitness não precisa de 100 falhas para produzir 1 antes e depois? Só vemos os sobreviventes.
 
Mesmo assim, nem sabemos os motivos do sucesso. Genética e drogas podem ser tão fortes que superam qualquer burrice de treino e nutrição.
 
Talvez mostrar mais pessoas que tiveram bons resultados com uma dose sustentável de dieta e exercícios fosse mais honesto?
 

Talvez. Mas definitivamente um marketing fraco.


Experiência pessoal sem estudo

Quantas pessoas existem no mercado fitness que só podem apelar para um pico de bíceps ou gomos na barriga. Quando falamos de ideias, ciência e estudos – o silêncio se estabelece. Ou pior: falam, falam, falam. E quanto mais falam, mais besteira sai.

Experiência pessoal é importante. Porém, quando sozinha, é inútil. Na ciência chamamos isso de evidência anedótica. Nas academias chamamos de “funcionou para mim.” Nos bares de “histórias de bêbado”.

Mesmo que você descubra o que funciona para você, isso é só a prova de uma pessoa. Quem dirá que suas estratégias funcionam para outra pessoa? Quem dirá que outras estratégias não teriam o mesmo resultado?
 
Por isso, profissionais de verdade se sustentam em três pilares.


Academias com 1000 alunos e 10 sucessos

Você enxerga o marketing em cima dos poucos que vão para a academia e tem sucesso.
 
Você também esquece todos os outros que têm resultados medíocres, pagam a academia e a única coisa mais magra em suas casa é a sua conta bancária.
 
Esses são os exemplos mais comuns que conheço no mundo fitness sobre o viés do sobrevivente. Agora, vamos ver formas de superá-lo.

 

Como superar o viés do sobrevivente no mundo fitness?


Entenda o sucesso. Não o copie.
 

O sucesso deixa pistas. Mas qual delas importam?

Veja o sucesso de fisiculturistas. Alguns treinaram com altas cargas e barras. Outros, apenas com máquinas e 4 horas por semana. Alguns comeram alto carboidrato. Outros, eram vegetarianos. 
 
Esqueça pessoas de sucesso. Procure princípios
 
  • Esqueça “qual rotina devo fazer?”, “qual o melhor exercício para hipertrofia?”, “qual o treino dos campeões?”. Comece a enxergar volume, intensidade e frequência. Todos os treinos partem desses princípios.
  • Esqueça “quais alimentos devo comer?”, “qual a melhor dieta?”, “o que as celebridades comem?”. Todas as dietas são manipulações de  princípios: Calorias, macronutrientes número de refeições.
 Quando vemos alguém ter resultado com alguma estratégia, só podemos afirmar que a tática usada, no mínimo, não previne o sucesso.
 
Os “monstros” não estão fazendo errado treinando um músculo por semana, comendo uma lista de 7 alimentos e tomando BCAA’s e glutamina. Porém, não significa que eles estão acertando também.
 
O sucesso deixa pistas, mas não deixa respostas. Inúmeros caminhos levam a Roma. 
 
Depois dos princípios em jogo você só precisa das características presentes em qualquer pessoa que já alcançou objetivos físicos na história do planeta: Consistência, trabalho duro e paciência para investir por longos períodos.
 
Pense por retirada
 
Todos os cisnes são brancos é uma afirmação frágil. Basta um cisne negro para falsificá-la. 
 
O melhor é analisar o negativo. O que não pode faltar na receita do sucesso.
 
Perda de gordura.
 
  • Consistência e paciência
  • Comer menos calorias do que eu gasto (déficit calórico)
  • Proteína
Ganhar músculos.
 
  • Consistência e paciência
  • Treinamento com volume suficiente
  • Progredir repetições e cargas.
Procure erros antes de acertos
 
Existem milhares de formas de ser inteligente, mas só algumas de ser burro.
 
Veja o que pessoas que atingiram os resultados que você deseja não fazem.
 
Evitar um erro tem o mesmo poder de resultados do que realizar um acerto.
 
No mundo fitness, pessoas com certo sucesso não fazem isso.
 
  • Cortar calorias em excesso em fases de perda de peso. 
  • Comer pouca proteína. 
  • Comer poucas verduras, frutas e proteínas magras (fome).
  • Focam só na balança para perda de peso
  • Não fazer um bom treino para evitar perder massa magra.
  • Preocupação excessiva com suplementos
Elas fazem isso.
 
  • Cortam 200-500 calorias e perdem peso lento (0.5-1% do seu peso corporal por semana).
  • Comer pelo menos 2g/kg de proteína por dia dividido em 3 refeições.
  • Comem verduras, frutas e proteínas magras em todas as refeições.
  • Sabem que o peso flutua diariamente e a balança não conta toda a verdade.
  • Fazem um bom treino para perder gordura, e não músculos.
  • Sabem que suplementos ajudam só 5%. E focam na tríade de ouro: Creatina para força, café para dias difíceis e whey para bater minha proteína caso não consiga com alimentos.
É difícil dizer se uma estratégia vai trazer bons ou maus resultados para alguém. Mas é super fácil prever que, sem os princípios, mais cedo ou mais tarde, o fracasso lhe espera.
 
Faça melhores perguntas e adapte mais
 
Essa serve mais para os profissionais que querem aumentar a sua taxa de sucesso com clientes.
 
Se pergunte o seguinte.
 
  • Quando eu “perdi” o investimento deles no processo?
  • Quando o plano deu errado?
  • Eu ensinei para eles formas de serem flexíveis e adaptar seu treino e nutrição para a vida?
  • O que eu faria de diferente para ajudar?
Assim que nós começarmos a nos preocupar mais com nossas falhas, nós podemos finalmente parar de deixar pessoas – assim como aviões – para trás.

Juntando tudo

Nossa mente possui vieses. Isso já nos salvou há milênios. Hoje, devemos nos atentar para tomarmos melhores decisões e evitar mais erros.
 
Lembre do seguinte.
 
  • O sucesso faz barulho. O fracasso, silêncio. Pesquise muito antes de copiar o sucesso de alguém esperando os mesmos resultados.
  • Fotos de antes e depois, experiência pessoal, fanfarrões fitness e academias sempre vão te mostrar todos os sucessos e esconder todos os fracassos. Fique ciente disso para tomar sua decisões no mundo fitness e escolher um bom profissional para te ajudar.
  • Para superar o viés do sobrevivente: Entenda o sucesso. Não o copie. Pense por retirada. Procure erros antes de acertos. E, por fim, faça melhores perguntas.
Não use o viés do sobrevivente como uma desculpa para não agir. Aprenda com ele para pensar melhor, evitar barulhos, enxergar sinais e entender melhor o mundo.
 
Se você vai fazer algo, faça de forma informada.
  • [*] – Steve jobs, Bill gates e Mark Zuckerberg criaram palácios financeiros sem faculdade, mas nunca sem educação. Todos eles são leitores vorazes. Sempre aprendendo, executando, falhando e tentando de novo. Você não precisa de um diploma, mas educação é essencial.
  • Ótimo artigo do Bryah Krahn sobre o assunto.
  • História de Abraham Wald.

📄 Outros artigos que você pode gostar

📄 Outros artigos que você pode gostar

🤝 Conte a um amigo
🤝 Conte a um amigo ​
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
📕 Livro grátis

Receba meu livro com os 7 princípios para ter resultados sendo natural.

Receba meu livro com os 7 princípios para ter resultados sendo natural.

 Pule as besteiras. Economize anos de erros. Foque no essencial.

 
Pule as besteiras.
Foque no essencial.
Poupe anos de erros. 

Sem spam. Sem suplementos inúteis. Saia a qualquer momento.
Só as melhores ideias da internet.

Sem spam.
Sem suplementos inúteis.
Saia a qualquer momento.

    Só as melhores ideias da internet.

Eu em 10 segundos
 
Meu nome é Matheus. Sou o criador do Inteligência Muscular. Um site sobre treino, nutrição e livros. 
 
Entrego as melhores ideias da internet de uma maneira simples, fácil e prática. Milhares de pessoas acessam meus artigos todo ano.
 
Quando não estou escrevendo, ajudo pessoas inteligentes a construir físicos incríveis. Sem drogas. Sem dores. Sem sofrimentos. Veja aqui.
IM

Evolução dentro e fora da academia. Estratégias para ajudar a navegar pelo mar de desinformação da internet. Desenvolvimento de mente e corpo para a vida.

Evolução dentro e fora da academia. Estratégias para te ajudar a navegar pelo mar de desinformação que existe na internet. Desenvolvimento de mente e corpo para a vida.

Receba meu livro com os 7 princípios para ter resultados sendo natural de graça.